This Is Not Ok




Fiquei tão chateada com um podcast que ouvi essa semana - existe mesmo quem não tem amor no coração. 
* aviso desde já que esses são pensamentos aleatórios, coisa bem no estilo desabafo

Longe de mim querer justificar as atitudes de gente assim, mas geralmente uma pessoa de classe média alta não entende a realidade de uma pessoa de baixa renda [embora ela ache que entenda]. Nem eu na minha abastada posição poderia entender...

Fofuchos, um livro no Brasil é caro. 
Sim, dá muito trabalho escrever, e existem diversas pessoas que trabalham para ele ser publicado e isso demanda dinheiro. Mas um livro que custa, em média R$ 40 num país onde o salário minimo é de R$ 954, é sim absurdamente caro. Como criticar tanto quem reclama do preço?
...

Tem outra coisa que também me deixou muito triste quando ouvi. Por favor, imaginem o seguinte diálogo, adaptado por mim:

FULANA: "Seguidores, irei para a Antártica."
SEGUIDOR: "Nossa fulana, que legal! Olha, VOCÊ PRECISA ir na geleira com formato de sorvete."
FULANA: "E eu pedi a sua opinião?"

Opa! Calma. O que está acontecendo?
Pessoal, o tal "você precisa" não quer dizer que alguém está necessariamente te dizendo onde ir, é só uma sugestão. O país inteiro está usando essa expressão. Bem, quase né. Porque alguém que se ofendeu tanto com isso não deve estar... ¯\_(ツ)_/¯
Poxa, pensar ou dizer isso é tão imaturo. Se uma pessoa não quer sugestões de lugares para visitar, por que diz aonde está indo?
Quanta agressividade.

Pena que isso aconteceu, mas pelo menos a convidada era uma fofa.


- fora de realidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário